Notícias

Sincor-SP reforça representatividade em encontro com Fenacor e Susep

Em um de seus primeiros trabalhos, a nova diretoria do Sincor-SP, que no tomou posse no último dia 1º de maio, promoveu um evento com mais de 300 participantes do mercado de seguros, na terça-feira (06/05), em São Paulo, entre corretores de seguros, alto escalão de seguradoras e dirigentes de entidades.

O novo presidente do Sindicato, Alexandre Camillo, e sua diretoria receberam para o “Bate-Papo com o Mercado de Seguros” o superintendente da Susep Roberto Westenberger, bem como o deputado federal e presidente da Fenacor, Armando Vergílio.

Camillo explicou que o evento ainda não era a festividade de posse, mas um dia de trabalho, que é a predisposição maior da nova gestão. “Queremos agora transformar tudo aquilo que eram propostas em realidade. Esse encontro contextualiza isso, pois dizíamos em campanha que queríamos ter o papel de integração e conciliação com todo o mercado. Sem dúvida nosso trabalho será em prol do corretor de seguros. Esse profissional integra uma cadeia que precisa estar em perfeita sinergia: categoria, órgão regulador e parceiros seguradores”, declarou. Em seguida, Camillo pediu à Susep uma atuação que estimulasse um ambiente de desenvolvimento do corretor de seguros, de modo a alavancar os resultados da indústria.

Armando Vergílio reforçou que o Sincor-SP é o maior sindicato de corretores do país e por isso se sentia motivado com o trabalho da nova gestão. “Saúdo a entrada de novos dirigentes, fazendo uma renovação integrada com aqueles que já construíram há algum tempo a história da nossa categoria. Estaremos prontos para, de forma sinérgica, empreender as ações que contribuírem para o bem e o desenvolvimento dos corretores de seguros. Podem contar comigo”.

Roberto Westenberger revelou a satisfação em participar do evento, pois em seu trabalho sempre esteve perto das seguradoras, mas quer agora se aproximar dos corretores. “É a primeira vez que um atuário assume a superintendência da Susep, sou técnico e tenho agora o maior desafio, principalmente em política, e vou contar com o apoio dos líderes do setor para direcionar nossa atuação e poder ao interesse maior que é o do país”.

Westenberger afirmou ainda que a Susep vê o corretor de seguros como um profissional indispensável para a boa prestação de serviços ao consumidor. Ele também divulgou o plano de gestão da autarquia sustentado por seis pilares: 1) valorização do servidor da Susep; 2) equilíbrio entre as entidades, empresas e profissionais do mercado de seguros; 3) modernização dos trâmites do órgão, baseando-se em gestão de risco; 4) desenvolvimento do mercado e lançamento de produtos; 5) internacionalização do relacionamento da Susep com os órgãos congêneres mundiais; e 6) capacitação dos profissionais da cadeia produtiva do setor.

Fonte: segs.com.br

2014 - Direitos Reservados - Camilo & Martins Corretora de Seguros

Rua Giuseppe Fioravante Giglio, 74 - São Paulo/SP
(11) 2024-5084           contato@grupointersaude.com.br